Projeto «Porta Solidária» dá jantar a cada vez mais pessoas, em plena crise de Covid-19

0

O pároco da Senhora da Conceição, na Diocese do Porto, disse que o projeto ‘Porta Solidária” está a servir refeições a uma “média diária de 270 pessoas”, com aumento da procura, originado pelos efeitos do coronavírus.

Em declarações à Agência ECCLESIA, o padre Rubens Marques explica que “antes da doença” eram ajudadas 160 pessoas, mas nos últimos dias têm chegado pessoas que “nunca tinham recorrido à ‘Porta Solidária’”, porque iam às carrinhas noturnas que “deixaram de passar”. “Não desistiram, apenas mudaram de estratégia”, explica.Várias associações juntaram-se ao projeto da paróquia portuense, tanto com voluntários, como na oferta dos bens.