Coronavírus. Taxa de mortalidade a zero até aos 9 anos, maior risco a partir dos 80

0

Um estudo publicado pelas autoridades chinesas sugere que os doentes e os idosos são os grupos mais propícios a morrer por coronavírus. Em termos percentuais, a taxa de mortalidade vai aumentando gradualmente com o avançar da idade: até aos nove anos permanece a zeros, mas entre os 60 e os 69 anos supera os 3%, entre os 70 e os 79 ronda os 8% e a partir dos 80 chega perto aos 15%.

Os dados do Centro Chinês de Controlo e Prevenção de Doenças (CCDC), baseados em mais de 44 mil casos, mostram que mais de 80% dos casos de infeção foram leves, enquanto 13,8% foram classificados como graves e apenas 4,7% como críticos.