Número de assassinatos de lideranças indígenas é o maior em pelo menos 11 anos

0

O número de assassínios de lideranças indígenas em conflitos no campo dentro do Brasil em 2019 foi o maior em pelo menos 11 anos, segundo dados da Comissão Pastoral da Terra (CPT).

A CPT, uma organização ligada à Igreja Católica que atua defendendo diretos no campo que publica anualmente um levantamento sobre violência, informou que apenas em 2019 já foram registadas 7 mortes de líderes indígenas face 2 mortes contabilizadas em 2018.