Merkel assinala atentado falhado contra Hitler. “Há momentos em que a desobediência é obrigatória”

0

A chanceler alemã, Angela Merkel, apelou à luta contra os avanços da extrema-direita, por ocasião do 75.º aniversário da conspiração mais famosa para assassinar o líder nazi Adolf Hitler, conhecida como “Operação Valquíria”.

A líder alemã defendeu que a data de 20 de julho de 1944 deve ser recordada, “não só por aqueles que agiram (nesse dia), mas também por todos que se posicionaram contra o domínio nazi”. “Hoje somos igualmente obrigados a opor-nos a todas as tendências que procuram destruir a democracia. Isso inclui o extremismo de direita”, reforçou a chanceler, citada pelos ‘media’ internacionais, exortando ainda a sociedade civil a integrar ações que fortaleçam a democracia.