Justiça intergeracional

0

Esperança, vontade de fazer acontecer e coragem para mudar. Talvez sejam estas as grandes diferenças entre as gerações mais jovens e as mais velhas. Talvez os mais jovens ainda não tenham sido contaminados pelo descrédito para com as pessoas e as instituições, pelo conformismo e pelo pessimismo. Talvez ainda não tenham tido tempo para elaborar racionalizações complexas que justifiquem tantas vezes o injustificável. Talvez, pura e simplesmente, não o aceitem fazer… 

O resto deste conteúdo é reservado a Assinantes. Por favor faça . Ainda não é Assinante? Torne-se Assinante!