Reflectir, reflectir…

0

O número de greves no início do ano foi assustador. No final de 2018 a greve dos estivadores já foi algo de preocupante, para não pensar na que ocorreu com os professores do ensino não superior. A greve lesa sempre alguém, mas tudo tem um limite.

Deve iniciar sessão para continuar a ver este conteúdo...Por favor . Ainda não está registado? Associe-se!