Jovens chamados a ser «autênticas e verdadeiras raízes da fé e da solidariedade» – Bispo de Viseu

0

O bispo de Viseu afirmou que foi uma “grande notícia” o anúncio de que Portugal vai receber a edição internacional da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) em 2022 que “trouxe muita alegria e esperança” para trabalhar, “cada vez mais, com os jovens”.

“É uma responsabilidade e um desafio para a hierarquia e toda a Igreja, principalmente os jovens que são chamados a serem autênticas e verdadeiras raízes da fé e da solidariedade num mundo indiferente à procura de Deus por diversos caminhos”, assinala D. António Luciano.