Na “Biblioteca das Coisas” o que não serve a um cidadão pode ser útil a outro

0

Um berbequim ou uma tenda de campismo são alguns dos materiais que a junta de freguesia do Centro Histórico do Porto pretende disponibilizar a moradores e comerciantes da baixa da cidade no âmbito do projecto “Biblioteca das Coisas”. O conceito parte da ideia de que muitas das ferramentas e utensílios de que a generalidade das famílias dispõe só são usados uma vez por ano ou menos, enquanto na porta ao lado um qualquer arranjo simples permanece por fazer na falta desses materiais ou de quem o possa realizar.