CDU diz que pressão a moradores para libertar casas alastra às franjas do Porto

0

A CDU do Porto alertou que a pressão de senhorios e promotores imobiliários para desocupação de habitações tradicionais está a alastrar às franjas da cidade e citou o caso do Bairro da Fábrica da Areosa, junto à Circunvalação.

“Isto está a passar-se no Centro Histórico, e todas as semanas tenho queixas disso, está a passar-se na Praça da República, em diferentes zonas. E agora apanhamos uma situação no bairro da Fábrica da Areosa, junto à Circunvalação”, disse a vereadora comunista na Câmara do Porto, Ilda Figueiredo, após visitar aquele aglomerado habitacional tradicional.