Bolsonaro é o novo presidente do Brasil: à direita e mais à direita volver

6

Bolsonaro vence Haddad por 10 pontos percentuais, é confirmado 38.º presidente do país e promete interromper “o flirt com o comunismo e o socialismo”, além de respeitar a Bíblia, a Constituição e a propriedade privada.

No dia 1 de janeiro, Michel Temer vai entregar a faixa presidencial a Jair Bolsonaro, o 38.º presidente da história do Brasil, no fim da rampa do Planalto, em Brasília. A extrema-direita chega ao poder, através de um capitão do exército reformado, num país que ainda há 33 anos vivia sob regime de ditadura militar. No total, cerca de 57 milhões de eleitores escolheram o candidato do PSL, o equivalente a 55,1% dos votos válidos. Fernando Haddad, do PT, somou 44,9% e perto de 46 milhões de votos.