Trump já admite, mas desvaloriza interferência russa nas eleições

0

A Rússia interferiu nas eleições norte-americanas de 2016, mas sem impacto no resultado final, afirmou o Presidente norte-americano, Donald Trump.

O líder norte-americano fez esta declaração aos jornalistas, na Sala Oval da Casa Branca, um dia depois da cimeira com o homólogo russo, Vladimir Putin, que motivou uma chuva de críticas, inclusivamente, do Partido Republicano.

Numa tentativa de acalmar a contestação interna, Donald Trump garante agora ter total confiança nos serviços secretos e aceita os resultados da investigação à interferência russa nas eleições.