Papa rejeita «populismo» na questão dos refugiados e migrantes

0

O Papa Francisco criticou o “populismo” nas políticas de migrações e de acolhimento aos refugiados, em países com os EUA ou na Europa, numa entrevista à Reuters.
“Alguns governos estão a trabalhar no assunto e as pessoas têm de ser instaladas da melhor forma possível, mas criar uma psicose não é a cura”, observou o pontífice, para quem “o populismo não resolve nada”. “O que resolve as coisas é a aceitação, o estudo, a prudência”, acrescenta o pontífice.

PORECCLESIA