D. António Luciano foi ordenado bispo na Sé da Guarda

0

O bispo da Guarda afirmou na homilia da Missa de ordenação episcopal de D. António Luciano como bispo de Viseu que a Igreja não pode estar “à defesa” e disse que o serviço e o despertar do dinamismo missionário são essenciais no trabalho futuro “É para servir que o Senhor hoje te faz Bispo”, afirmou D. Manuel Felício na Sé da Guarda, diocese de onde é natural D. António Luciano. “Não queremos uma Igreja à defesa, mas sim uma Igreja empenhada em cumprir o sonho do Papa Francisco, colocando todas as suas capacidades mais ao serviço da evangelização do mundo atual do que da sua auto-preservação”, acrescentou.